Meio ambiente, segurança e música em harmonia no Penha Roots

Além de boa música e energia positiva, segurança e meio ambiente estarão em evidência durante o Festival “Penha Roots”, que acontece entre os dias 15 e 17 deste mês, em Patrimônio da Penha, distrito de Divino de São Lourenço. A organização do evento tomou uma série de medidas para garantir que o evento ocorra em harmonia com a natureza e em clima de paz, garantindo o sucesso total do evento.
O festival de reggae e forró pé de serra, que foi criado com o objetivo de levar ao Caparaó os turistas que não conhecem as belezas naturais da região, para fomentar o turismo e a economia local, tem como foco a sustentabilidade, segurança e preocupação com o meio ambiente, destaca Elias Carvalho, um dos organizadores do evento.
“Quando idealizamos o Penha Roots a nossa primeira preocupação foi em não causar um impacto ambiental e promover um turismo consciente. Quando temos um turismo forte, a comunidade tem menos dependência do poder público, que por sua vez tem que cuidar das estruturas, como estradas, energia elétrica e água. A comunidade que recebe os turista tem que ajudar fiscalizando e orientando para que não façam ações prejudiciais à natureza”, explica Elias.
A segurança é outro aspecto que o “Penha Roots” tem estruturado com muita atenção. Foram contratados seguranças particulares que ajudarão no trânsito da região, evitando transtornos. Além de uma parceria com o Governo do Estado com a Polícia Militar.
Conscientização e sustentabilidade
Durante o festival, os locutores do evento estarão conscientizando o público para que mantenha o ambiente sempre limpo, não faça churrasco nas cachoeiras e trilhas de Patrimônio da Penha. Também será feito um trabalho de orientação por meio dos veículos de comunicação. Lixeiras sinalizadas também estarão disponíveis por todo o local.
Outra medida visa reduzir o uso de descartáveis. O “Penha Roots” terá a disposição dos participantes a opção de adquirir o copo ecológico, ou copo verde, no início do evento. Quem quiser devolver o copo no final do festival poderá reaver o dinheiro de volta.

Menos papel
O ingresso online é outra medida sustentável para que não seja necessária a impressão em papel. Basta que leve o ingresso digital no celular e a leitura será feita diretamente do smartphone.
A organização também sugere que as pessoas possam aderir à “carona solidária”, para evitar menos carros nas estradas e, ainda, incentivando um bom relacionamento interpessoal e facilitando para pessoas de outras cidades que queiram chegar à comunidade.
“Nós queremos realizar um ótimo evento e gerar recursos para Patrimônio da Penha, minimizando o impacto ambiental na região. Sabemos que esse festival trará um impulso financeiro de grande relevância para os moradores da comunidade em um momento de crise econômica que o Brasil vive”, lembra Carvalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *